Choro do bebê: aprenda a interpretar o seu choro

Choro de bebê: como identificar?

Quando o bebê chora tem um motivo, pois o choro é o único instrumento de comunicação que tem. O bebê pode chorar porque tem sono, fome ou se sente desconfortável, entre outras coisas. Vamos ajudar a interpretar o choro do bebê.

Desde que chega a casa e durante muitos meses, o choro do bebê vai ser a principal maneira de comunicar do seu filho: se tiver fome, se não conseguir dormir, se tiver dor de barriga  ou se tiver cólicas, entre outras coisas. Deste modo, é muito importante aprender a interpretar o choro do seu filho. Aceitar e entender a sua linguagem será um dos maiores desafios para a mamãe de primeira viagem.

Tipos de choro do bebê

É essencial que a mãe e o pai tenham muita paciência e respondam com calma e serenidade perante o choro de bebé, pois muitas vezes o bebê acalma-se ao ser abraçado pelos pais, ao escutar a sua voz tranquilizadora e a receber mimos e beijos. No entanto, o choro do bebê também pode ser devido a outros fatores como mal-estar ou fome, que se devem resolver de outras maneiras. Existem diferentes tipos de choro do bebê:

  • Choro persistente. Costuma significar que o bebê tem fome.
  • Choro desconsolado. O bebê que chora deste modo é porque tem frio ou calor.
  • Choro preguiçoso ou choro nervoso. Nestes casos, o bebê costuma ter sono e, possivelmente, dificuldade em adormecer.
  • Choro estridente. Este tipo de choro não é muito exagerado mas sim contínuo. Costuma ser porque o bebê se sente desconfortável por ter a fralda suja.
  • Choro agudo, como um grito. Este tipo de choro significa que o bebê se sente desconfortável ou mesmo mal.
  • Choro agudo e intenso. É o típico choro do bebê que tem cólicas.
  • Choro acompanhado de soluços. Pode significar que está zangado ou aborrecido.
DESCUBRA:  Silêncio NÃO faz bebê dormir melhor

E se o bebê chora quando mama?

Alguns bebês choram quando mamam. Primeiro, aproximam-se do peito da mãe contentes e começam a mamar. No entanto, quando o leite chega ao seu estômago, largam o mamilo e começam a chorar. Pouco tempo depois, ainda com fome, voltam a pegar a mama e torna a acontecer o mesmo. Porque é que isto acontece? Pode ser devido aos seguintes motivos:

  • Alergias alimentares. O mais frequente é o bebê ser alérgico a algum alimento que a mãe tome e que o bebê receba através do leite. Por exemplo, se o bebê for alérgico ao leite de vaca pode cair-lhe mal quando a sua mãe o bebe. Se suspeita que esta pode ser a causa do choro do seu filho durante as tomas, não hesite em consultar um médico.
  • Estômago cheio. Muitos bebês ficam zangados quando não querem mais mamar e, por isso, começam a chorar e soltam o mamilo.
  • Refluxo gastroesofágico. Se o seu filho se arqueia para trás durante as mamadas e começa a chorar, o refluxo gastroesofágico pode ser a causa. Deverá consultar o pediatra.
DESCUBRA:  Obstetra: como escolher o melhor para você

Vamos ver, em seguida, quatro situações típicas nas quais o bebé chora, o porquê e como acalmá-lo.

Está nervoso?

O bebê fica inquieto, irritado, agitado e chora de forma intermitente. Em geral, este estado reconhece-se por exclusão. O bebê não consegue adormecer e não se deve ao cansaço, mas sim e provavelmente, pela tensão de todo o dia. Neste caso, o choro, é a única forma de descarregar a tensão.

Como acalmá-lo

Por vezes, é suficiente deixar o bebê chorar por 5 ou 10 minutos para que depois se acalme de repente. De todo modo, a primeira coisa a fazer é descartar todos os elementos que lhe poderiam causar mal-estar. O frio ou o calor, bem como a fralda suja podem provocar um choro semelhante a este.

Dor na barriga?

O choro por dor aguda é um choro forte e repentino.

Um exemplo deste é a dor produzida pela injeção das vacinas que, normalmente, se atenua em seguida. Por outro lado, no caso das cólicas, o bebê começa a chorar, fica vermelho e dobra as pernas na direção da barriga.

Como acalmá-lo

Se o choro é provocado por uma dor passageira (por exemplo, um arranhão), basta agarrá-lo ao colo, acariciá-lo e consolá-lo com a voz. Por outro lado, se for devido à dor das cólicas, para o acalmar, deve pegá-lo ao colo com a barriga para baixo pressionando a barriga suavemente com a mão.

DESCUBRA:  Nomes de bebês 2019: masculinos e femininos

Terá sono?

A princípio é um lamento, mais do que um choro: o bebê sente-se aborrecido e inquieto, choraminga e contorce-se a procura de uma posição mais confortável.

Como acalmá-lo

Assim que se nota a necessidade de dormir, alguns bebês adormecem, imediatamente, mal são colocados no berço. Por outro lado, há outros que adormecem mais facilmente ao colo e voltam a chorar quando deixam de sentir o calor da mamãe. Cantar uma canção ou embalá-lo costumam ser remédios úteis para o consolar. Para os mais difíceis, também funciona sair para um passeio no carrinho ou até de carro – o movimento é um potente soporífero para os mais pequenos.

Terá fome?

O choro por fome é motivado por uma necessidade vital, pelo que é permanente, forte e intenso. Pode começar de forma gradual ou de repente. De qualquer forma, o bebê acaba por chorar aos gritos. Costuma ficar com os olhos fechados ou vai abrindo e fechando os olhos.

Como acalmá-lo

Não é preciso ser muito rígida com os horários das mamadas. Se o bebê, realmente, chora por fome, vai acalmá-lo logo, a menos que algum obstáculo, como o nariz entupido ou um possível mamilo plano, o impeçam de mamar.

Fonte: O Meu Bebe Portugal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *